Já ouviu falar em Colecistite?

Colecistite nada mais é do que a inflamação da vesícula biliar que se desenvolve, na maioria dos casos, quando uma pessoa possui cálculos biliares. Uma vez que isso acontece, as pedrinhas podem se desprender da vesícula e bloquear o canal em que a bile sai, fazendo com que o líquido fique preso ali.

 

Essa doença pode ser tanto aguda quanto crônica. Na primeira, uma dor muito forte acontece de forma repentina na parte de cima do abdômen e dura em torno de 6 a 8 horas. Na segunda, as dores acontecem periodicamente conforme os cálculos bloqueiam o ducto cístico, sendo necessário as vezes uma visita urgente ao hospital.

 

Pelo menos 20% das mulheres e 8% dos homens acima dos 40 anos possuem cálculos na vesícula, de acordo com especialistas. Gestantes, mulheres que usam pílulas anticoncepcionais e pessoas obesas também correm o risco maior de desenvolver a doença.

 

Os sintomas da colecistite são náuseas, dor forte no lado direito do abdômen, febre, vômitos e amarelamento de tecidos (icterícia). O tratamento mais indicado é a remoção da vesícula através de uma cirurgia chamada colescistectomia.